Indicadores de desempenho logístico: o que são e quais os principais em operações de transporte

Imagem de destaque

A gestão logística é essencial para o sucesso da gestão logística, e os indicadores de desempenho logístico desempenham um papel crucial nesse processo.

Sendo assim, compreender e utilizar esses indicadores de forma eficiente é fundamental para os gestores logísticos.

Os indicadores de desempenho logístico oferecem uma visão clara e objetiva do desempenho e eficiência das atividades logísticas, permitindo uma tomada de decisão embasada e a identificação de oportunidades de melhoria.

Ao monitorar indicadores como tempo de entrega, índice de estoque, custos operacionais e satisfação do cliente, os gestores logísticos podem otimizar sua operação e alcançar resultados excepcionais.

Boa leitura!

Conheça os principais indicadores de desempenho logístico

A definição dos KPIs depende do porte e das características de cada negócio, sendo estabelecidos segundo o planejamento estratégico e as metas da empresa.

Por isso, confira os principais indicadores de desempenho logístico:

  • OTIF — On-time & In-full: mensura se a entrega foi feita no prazo (on-time) e se todos os processos logísticos foram eficientes (in-full), ou seja, verifica se o cliente recebeu a mercadoria conforme o pedido, no prazo e no local corretos;
  • OTD — On-time Delivery: avalia o percentual de pedidos entregues no prazo, considerando o tempo entre a separação e expedição do produto até o embarque pela transportadora;
  • OCT — Ordem Cycle Time: analisa a velocidade com que os pedidos são atendidos pela indústria, considerando o tempo total entre o recebimento do pedido e a chegada no cliente;
  • OFR — Ordem Fill Rate: calcula o tempo gasto no processamento interno de um pedido, do picking até a expedição;
  • Transit-time: avalia o tempo de trânsito e se a empresa consegue atender as demandas do cliente a respeito dos prazos, mantendo índices de qualidade e satisfação.;
  • Avarias no transporte: considera o índice de reclamações e perdas causadas pelas más condições das estradas, ineficiências no transporte, e dificuldades de rastreio das cargas;
  • Tempo de resposta e resolução de problemas: mede o tempo que a empresa leva para resolver uma reclamação sem prejudicar a reputação e o andamento dos trabalhos;
  • Turnover: mensura a rotatividade dos funcionários e a troca de mão de obra e pode indicar um problema de gestão ou condições de trabalho.

Implementação dos indicadores de desempenho logístico

Para um gestor logístico, a implementação eficaz dos indicadores de desempenho logístico é um passo crucial rumo à excelência operacional. Mas a seleção dos indicadores adequados para a operação logística desempenha um papel fundamental nesse processo.

Sendo assim, veja o que considerar na implementação!

Seleção dos indicadores adequados para sua operação logística

A escolha dos indicadores adequados é determinante para o sucesso do acompanhamento logístico. Isso porque é essencial identificar quais aspectos da operação são mais relevantes e alinhados aos objetivos estratégicos da empresa.

Sobretudo, indicadores como taxa de ocupação de armazém, tempo médio de entrega, taxa de erro no picking, entre outros, podem fornecer insights valiosos sobre a eficiência da cadeia de suprimentos.

Assim, ao selecionar os indicadores apropriados, é possível monitorar áreas-chave e tomar medidas para melhorar a performance logística.

Coleta e análise de dados para a mensuração dos indicadores

A coleta e análise de dados são etapas essenciais na mensuração dos indicadores de desempenho logístico.

Aliás, utilizando sistemas de informação logística, como um ERP (Enterprise Resource Planning) integrado, é possível obter dados em tempo real sobre diversos aspectos da operação. De toda forma, a automatização desse processo agiliza a coleta e garante a precisão dos dados.

Nesse sentido, uma análise minuciosa dos dados coletados permite identificar tendências, padrões e possíveis gargalos, fornecendo informações valiosas para a tomada de decisões embasadas, sendo eles aspectos relevantes para operações da Torre de Controle Logístico.

Definição de metas e objetivos para os indicadores de desempenho logístico

Ao implementar indicadores de desempenho logístico, é fundamental estabelecer metas e objetivos claros. As metas devem ser desafiadoras, mas alcançáveis, incentivando a melhoria contínua da performance logística.

Vale destacar que é importante que essas metas estejam alinhadas com a estratégia geral da empresa e sejam comunicadas de forma clara a todos os membros da equipe logística.

Afinal, definir metas específicas e mensuráveis para cada indicador permite acompanhar o progresso e identificar áreas que necessitam de atenção especial.

Sendo assim, ao implementar e utilizar indicadores de desempenho logístico de maneira eficiente, o gestor logístico pode aprimorar a operação, otimizar processos, reduzir custos e alcançar um desempenho logístico excepcional.

Acompanhamento e monitoramento dos indicadores de desempenho logístico

Para um gestor logístico, o acompanhamento e monitoramento dos indicadores de desempenho logístico são cruciais para avaliar o desempenho da operação e identificar áreas que necessitam de melhorias.

Isso porque esse processo permite uma visão em tempo real da performance logística, possibilitando ações corretivas imediatas.

Ferramentas e sistemas para o acompanhamento em tempo real

O acompanhamento em tempo real dos indicadores de desempenho logístico é facilitado pelo uso de ferramentas e sistemas avançados.

Inclusive, os sistemas de Business Intelligence (BI) são especialmente úteis, pois permitem a coleta, integração e visualização dos dados logísticos de forma ágil e precisa.

Dashboards personalizados fornecem uma visão consolidada dos indicadores, com gráficos e métricas-chave que facilitam a compreensão do desempenho em tempo real.

Análise e interpretação dos resultados dos indicadores

A análise e interpretação dos resultados dos indicadores de desempenho logístico requerem habilidades analíticas e conhecimento aprofundado da operação logística.

É fundamental identificar padrões, tendências e variações nos dados para compreender as causas dos resultados obtidos.

Através da análise, é possível identificar oportunidades de melhoria, como gargalos em processos, ineficiências operacionais ou necessidades de treinamento da equipe.

Tomada de decisão com base nos indicadores de desempenho logístico

Os indicadores de desempenho logístico fornecem informações valiosas para a tomada de decisão embasada. Ao analisar os resultados dos indicadores, o gestor logístico pode identificar problemas emergentes, antecipar demandas futuras e adotar estratégias proativas.

Além disso, com base nas métricas, é possível implementar ações corretivas, realocar recursos, ajustar processos e planejar investimentos em infraestrutura logística.

A tomada de decisão orientada pelos indicadores permite uma gestão eficiente e eficaz da operação logística, resultando em ganhos de produtividade e satisfação do cliente.

Demais indicadores de desempenho logístico

Além disso, podemos incluir na lista de principais indicadores de desempenho logístico:

  • Custo de transporte: monitora os custos com transporte em proporção às vendas, checando se os valores estão no aceitável ou se exigem redução;
  • Giro de estoque: dá clareza a respeito dos produtos que mais vendem e quais os que têm menor procura, norteando a produção e o risco de que o estoque fique obsoleto;
  • Produtividade: indica a produtividade dos profissionais por hora trabalhada ou hora/máquina, controlando o uso de recursos. Também avalia a produtividade da frota;
  • Qualidade: identifica reclamações, desvios, erros e não-conformidades na conduta dos profissionais e nos processos logísticos;
  • Devoluções: compara a quantidade de produtos devolvidos em relação às mercadorias entregues. Quanto maior o número de devoluções, maior o nível de insatisfação dos clientes;
  • TPV — Tempo de permanência de veículos: identifica o tempo gasto para realizar carregamento ou descarregamento da carga em um veículo e o tempo de espera em trâmites burocráticos;
  • Perfect Order Rate: monitora o grau de incidentes durante as etapas de transporte e entrega do pedido;
  • Tempo médio de entrega: faz o rastreio do tempo necessário para um pedido ser preparado corretamente e chegue ao destino para satisfazer a demanda do cliente;
  • Custo de armazenagem: mensura o valor destinado às mercadorias em transferência para o depósito ou fora dele, custos com equipamentos e energia, armazenamento, carregamentos e recursos humanos;
  • Expedição: revela falhas no envio de mercadorias, como produtos incorretos, mercadorias danificadas e pedidos incompletos. Esse erro impacta diretamente na imagem da empresa;
  • Acuracidade do inventário: mede a diferença entre o estoque real do armazém e o estoque registrado no sistema;
  • Indicadores estratégicos: comparam o cenário geral da empresa com os objetivos estabelecidos no planejamento estratégico e a necessidade de ajustes para o cumprimento das metas.

Desafios e soluções na implementação dos indicadores de desempenho logístico

A implementação dos indicadores de desempenho logístico pode enfrentar desafios significativos, mas com as soluções adequadas, é possível superá-los e alcançar uma gestão logística eficaz.

Veja alguma delas abaixo:

Superando obstáculos na coleta e análise de dados

Um dos principais desafios na implementação dos indicadores de desempenho logístico é a coleta e análise de dados.

É fundamental superar obstáculos como a falta de integração entre sistemas de informação, a inconsistência nos registros e a disponibilidade limitada de informações em tempo real.

Soluções incluem a implementação de um sistema de gestão de dados robusto, a padronização de processos de coleta e a adoção de ferramentas de Business Intelligence para a análise eficiente dos dados.

Adaptação dos indicadores às mudanças na operação logística

A operação logística está em constante evolução, enfrentando mudanças como novos produtos, parceiros de negócios, tecnologias e demandas dos clientes.

Um desafio na implementação dos indicadores de desempenho logístico é a adaptação desses indicadores às mudanças na operação. Para superar esse desafio, é necessário revisar e reajustar periodicamente os indicadores para refletir as necessidades e objetivos atuais da empresa.

Flexibilidade e alinhamento estratégico são essenciais para garantir que os indicadores permaneçam relevantes e eficazes.

Engajamento da equipe para o sucesso dos indicadores

O engajamento da equipe é um desafio comum na implementação dos indicadores de desempenho logístico.

Para superar esse obstáculo, é fundamental envolver os colaboradores desde o início do processo, comunicar a importância dos indicadores para a melhoria da operação e oferecer treinamentos adequados.

Estabelecer metas claras, fornecer feedback regular e reconhecer as contribuições individuais são estratégias eficazes para motivar a equipe e garantir o sucesso dos indicadores de desempenho logístico.

Vantagens dos indicadores de desempenho logístico

Ao mapear e controlar os KPIs, os gestores conseguem ser mais assertivos na tomada de decisões.

Entre as vantagens de ter esses dados visíveis e organizados estão a possibilidade de reduzir custos, identificar os gargalos operacionais, aumentar a produtividade, a segurança, a qualidade e a satisfação do cliente.

Para facilitar a análise dos indicadores de desempenho é importante contar com tecnologia. É por meio dela que se consegue automatizar processos, centralizando e monitorando inúmeros detalhes.

Solução da BRK para gerenciar indicadores de desempenho logístico

A solução de Gestão Logística, Sistema de Acompanhamento Logístico da BRK Tecnologia, é um excelente aliado das empresas que desejam gerenciar seus riscos e indicadores logísticos eficazmente.

A solução otimiza recursos e fornece a visibilidade necessária em plataforma web e mobile.

O que essa solução oferece:

  • acesso e compartilhamento de informações em tempo real;
  • dados para a tomada de decisão instantânea;
  • antecipação de eventuais problemas e adoção de medidas corretivas ou preventivas;
  • acompanhamento e gestão de todos os KPIs e outros benefícios.

Aprimore seus controles logísticos com a BRK

Deu para perceber que, ao selecionar os indicadores de desempenho logístico adequados, coletar e analisar os dados de forma precisa e estabelecer metas claras, os gestores logísticos podem otimizar sua operação e alcançar resultados excepcionais.

Contudo, para aprimorar o controle logístico, você precisa das soluções certas, e é aí que entra a BRK. Afinal, ela fornece tecnologias customizadas para tornar sua operação logística mais segura, eficiente e rentável. Juntos, da partida até a entrega da carga.

Ou seja, a BRK está comprometida em proporcionar suporte e soluções inovadoras para impulsionar o sucesso da sua gestão logística. Fale agora mesmo com um especialista da BRK Tecnologia e descubra como podemos transformar sua operação logística.

Gostou do conteúdo? Então continue acompanhando o Blog da BRK Tecnologia!