IPVA dos caminhões: saiba qual a importância de manter tributos e finanças em dia

Veículos para regularização do IPVA de caminhões

Todo começo de ano é assim: contas e impostos se somam e desafiam o planejamento de empresas e o orçamento de muitas famílias, principalmente com o IPVA dos caminhões

Assim como todo brasileiro proprietário de veículo automotor, transportadoras e caminhoneiros autônomos têm pela frente o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

Mesmo que as alíquotas, datas de vencimento e formas de pagamento sejam definidas pelos Estados, um fato deve chamar a atenção em todo o país: seguindo a valorização de veículos novos e usados, o IPVA ficou mais caro neste ano.

Em 2021, o valor venal dos veículos aumentou. A maior valorização foi observada nos preços de venda de caminhões usados: 25,17%. A alta foi seguida por caminhonetes e utilitários: 23,50%. Como a tabela Fipe é usada para definir o valor do IPVA anual, a alta no preço dos caminhões interferiu diretamente no imposto.

Neste artigo, falaremos sobre a importância de manter o IPVA em dia e listar algumas dicas de finanças para caminhoneiros. Confira!

O que é o IPVA dos caminhões?

O IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) é um tributo anual obrigatório, pago ao Estado onde o veículo está registrado. Todos os veículos automotores (carros, motos, caminhões, ônibus) são obrigados a fazer o pagamento.

Em algumas situações, os proprietários são isentos do pagamento, mas as regras variam de Estado para Estado.

Na maioria das regiões, o IPVA começa a ser pago em janeiro, podendo ser parcelado. Para cotas únicas, há diferentes percentuais de desconto, dependendo do Estado.

A alíquota para calcular o IPVA também varia, dependendo do valor venal, modelo e ano de fabricação do veículo.

Geralmente é de 1% para caminhões. Em São Paulo, a taxa é de 1,5%, mas chega a 2% em alguns Estados.

Aumento do IPVA e isenções

A falta de caminhões novos no mercado fez o preço dos usados disparar. E quanto mais os caminhões valorizam, mais caro fica o IPVA. A alíquota do imposto é a mesma para veículos novos e usados, o que muda é a base de cálculo.

No caso de caminhões zero km, o cálculo se baseia na nota fiscal. Para os usados, o valor tem base na tabela Fipe. Alguns veículos estão isentos do IPVA, mas as regras de isenção mudam em cada Estado. Na maioria das vezes, o que vale é o ano de fabricação do veículo.

Importância de pagar o IPVA dos caminhões

Quem deixa de pagar o IPVA no está sujeito à multa e apreensão do veículo. Manter os impostos em dia é uma obrigação de transportadoras e profissionais autônomos e a não quitação pode causar problemas e prejuízos.

Como os caminhões são as ferramentas de trabalho no setor de transporte, imagine o prejuízo e a perda de produtividade ao ter um caminhão parado devido a uma dívida estadual.

Como fazer o pagamento: Para confirmar as datas de vencimento do IPVA nos Estados e ter acesso ao boleto de pagamento, é fácil. É só acessar o site do Detran estadual, preencher os dados do veículo e emitir o boleto.

Leia mais em: Taxas de transporte: quais são as principais para o território brasileiro.

Dicas para manter as finanças em dia

  • Mesmo que pese no bolso, não tem outra alternativa: manter as contas e impostos em dia é essencial. Se você é caminhoneiro autônomo, confira algumas dicas financeiras:
  • Mantenha suas despesas pessoais e profissionais separadas
  • Estude sobre planejamento financeiro e orçamento doméstico.
  • Anote tudo o que você ganha (entradas) e tudo o que gasta (saídas).
  • Tenha sempre uma reserva financeira para emergências e investimentos para o futuro.
  • Faça as manutenções preventivas do caminhão. Assim, você reduz os gastos com consertos e reparos emergenciais e evita problemas durante a viagem.

Invista em capacitação

Não basta que empresas de transporte e caminhoneiros realizem um bom planejamento financeiro.

No setor logístico, é fundamental prevenir os riscos, aumentar a eficiência e reduzir os prejuízos.

Uma boa ferramenta para quem deseja aprimorar o serviço de transporte é o sistema integrado de Prevenção de Acidentes. A solução desenvolvida pela BRK Tecnologia oferece uma série de benefícios sociais e financeiros.

Fale com um especialista e saiba mais sobre as vantagens da Prevenção de Acidentes.

Se você gostou deste artigo, leia também 12 dicas para condutores sobre gerenciamento de risco e direção defensiva.