Saiba o que é WMS e como esses sistema logístico atua no gerenciamento de armazém

Imagem de destaque

Você sabe o que é WMS? O Sistema de Gerenciamento de Armazém, em português, é mais do que uma solução, é um sistema logístico essencial que revoluciona a maneira como os produtos são armazenados, monitorados e movimentados dentro de um armazém.

Assim, com a crescente complexidade das cadeias de suprimentos e a pressão constante para melhorar a eficiência e reduzir custos, entender como o WMS pode ser um aliado estratégico é fundamental.

Ou seja, ele não apenas simplifica a gestão de estoque, mas também proporciona uma visibilidade sem precedentes sobre cada aspecto do armazenamento de mercadorias.

Ao prosseguir, você descobrirá como o WMS pode transformar a logística do seu armazém, garantindo que você esteja à frente em um mercado cada vez mais competitivo.

Afinal, o que é WMS?

Se você deseja otimizar a estratégica das operações de transporte da sua empresa, é essencial saber o que é o WMS. Assim, o Warehouse Management System é um sistema logístico projetado para suportar e otimizar a gestão do armazém e suas operações.

Nesse sentido, desde o recebimento até a expedição, o WMS coordena movimentações, armazenagens e processos de picking, utilizando tecnologia para rastreamento e gerenciamento eficiente de estoques.

Sobretudo, sua importância é inegável, pois permite que as empresas reduzam custos operacionais, maximizem espaço e aumentem a precisão do inventário, o que é vital em um ambiente de negócios que demanda agilidade e precisão.

A evolução da logística e o papel do WMS

A logística moderna é um campo que passou por uma transformação significativa, impulsionada pela tecnologia e pela necessidade de eficiência operacional.

Isso porque o WMS surgiu como uma resposta a essas demandas, oferecendo soluções que integram processos complexos de armazenagem.

Com ele, gestores logísticos podem acompanhar cada etapa do fluxo de produtos, desde a entrada até a saída da mercadoria, garantindo que os recursos sejam utilizados da melhor maneira.

Portanto, o papel do WMS é central para o sucesso de operações logísticas, possibilitando uma gestão mais estratégica e orientada por dados.

Como funciona o WMS?

Agora que você já sabe o que é WMS, vamos entender como esse sistema logístico funciona. O funcionamento é uma orquestração tecnológica que integra e simplifica as complexidades do gerenciamento de armazéns.

Então, para compreender melhor, no cerne de sua operação está a integração com códigos de barras e dispositivos móveis, sendo eles elementos essenciais para a automação e eficiência logística.

Quando uma mercadoria chega ao armazém, ela é imediatamente escaneada, e seus dados são capturados e registrados no sistema. Isso elimina a necessidade de entrada manual de dados, reduzindo significativamente a margem de erro.

Os dispositivos móveis desempenham um papel crucial, permitindo que os trabalhadores acessem informações em tempo real, onde quer que estejam no armazém.

Eles podem receber instruções sobre onde armazenar um item, qual item retirar para um pedido e o caminho mais eficiente para realizar essas tarefas. Essa mobilidade assegura que a gestão de estoque seja dinâmica e adaptável às mudanças imediatas na demanda.

Além disso, o WMS oferece monitoramento em tempo real, uma funcionalidade que fornece aos gestores uma visão clara do status de cada produto no armazém. Isso inclui níveis de estoque, localizações e movimentações pendentes.

Com essas informações, decisões podem ser tomadas rapidamente, melhorando a resposta da cadeia de suprimentos a qualquer situação.

Em suma, o WMS também facilita a geração de relatórios detalhados que ajudam a identificar tendências, prever demandas futuras e planejar de acordo com os processos, garantindo que o armazém opere com máxima eficiência.

Benefícios do WMS na gestão de estoque

O WMS oferece melhorias significativas na gestão de estoque, incluindo aumento da precisão, otimização do uso do espaço e redução de custos operacionais.

Otimização de espaço e redução de custos com o WMS

Implementar um WMS pode ser um divisor de águas na otimização do espaço e na redução de custos. Afinal, o sistema permite uma análise detalhada do layout do armazém, sugerindo a melhor utilização do espaço disponível.

Isso significa que o armazenamento pode ser organizado para maximizar a capacidade e minimizar o espaço desperdiçado. Além disso, ao automatizar processos como picking e colocação de estoque, o WMS reduz a necessidade de mão de obra para tarefas repetitivas e com longa duração.

Isso não só diminui custos com pessoas na operação, mas também diminui o risco de erros humanos, que podem resultar em retrabalho e perda de produtos.

Precisão na armazenagem e controle de inventário

A precisão é fundamental na gestão de estoque, e o WMS eleva esse aspecto a novos patamares.

Com a capacidade de rastrear produtos em tempo real, o sistema assegura que o inventário esteja sempre atualizado, fornecendo dados confiáveis para a tomada de decisões. Isso se traduz em melhor controle sobre os níveis de estoque, reduzindo o excesso ou a falta de produtos.

Aliás, o WMS também facilita a realização de auditorias e contagens cíclicas, garantindo que as discrepâncias sejam identificadas e corrigidas rapidamente.

Com um inventário preciso, os gestores podem planejar melhor as necessidades futuras, evitar interrupções na cadeia de suprimentos e manter os clientes satisfeitos

Principais recursos do WMS para as operações logísticas

O sistema WMS coordena atividades como recebimento, armazenamento, separação de pedidos e expedição, melhorando a eficiência e reduzindo custos. Veja, detalhadamente, seus principais recursos!

Cadastro de veículos e planejamento de rotas

O WMS facilita o cadastro de veículos, armazenando dados relevantes para a gestão da frota. Isso permite um planejamento de rotas mais eficiente, considerando variáveis como capacidade de carga, restrições de tráfego e prazos de entrega.

A análise desses dados possibilita a otimização das rotas, redução de distâncias percorridas, economia de combustível e melhoria no tempo de entrega.

Além disso, o sistema pode sugerir a consolidação de cargas, contribuindo para a diminuição de viagens parcialmente carregadas e maximizando a utilização dos veículos.

Rastreamento de cargas e organização de documentação

O WMS proporciona um rastreamento eficaz das cargas, oferecendo visibilidade em tempo real do status dos produtos durante o transporte. Isso permite uma comunicação precisa com clientes e a resolução proativa de eventuais problemas.

A organização de documentação também é simplificada, pois o sistema centraliza e automatiza a gestão de documentos necessários para o transporte e recebimento de mercadorias, assegurando conformidade com regulamentações e agilizando processos de auditoria e fiscalização.

WMS na prática: como ele pode ajudar no dia a dia?

Na rotina acelerada dos centros de distribuição, o WMS é uma ferramenta vital para aumentar a eficiência e a produtividade. Vejamos como ele impacta positivamente o dia a dia:

  • O WMS automatiza a captura de pedidos, direcionando-os para a embalagem de maneira rápida e precisa;
  • Com ele, o tempo é reduzido entre a venda e a expedição, aumentando a satisfação do cliente;
  • Com relatórios detalhados e análise de dados, o WMS auxilia na previsão de demandas e no planejamento de manutenção preventiva dos equipamentos;
  • Ele minimiza as paradas inesperadas e garante a continuidade das operações.

Vantagens competitivas do WMS

O WMS oferece vantagens competitivas ao aprimorar a precisão, acelerar operações e reduzir custos, resultando em uma cadeia de suprimentos mais eficiente e confiável.

Aumento da eficiência operacional

A implementação de um WMS resulta em um aumento significativo da eficiência operacional. Com um sistema assim, é possível minimizar erros de separação e expedição de pedidos, otimizar o uso do espaço de armazenamento e melhorar a gestão de inventário.

O WMS também contribui para a redução de desperdícios e perdas, automatizando processos e fornecendo informações precisas para tomada de decisões.

Além disso, a integração com outros sistemas, como ERP e TMS, permite uma visão unificada das operações, facilitando o planejamento e a execução das atividades logísticas.

Melhoria na satisfação do cliente

O uso de um WMS traz melhorias diretas na satisfação do cliente ao garantir a entrega de pedidos de forma mais rápida e precisa.

Com processos automatizados e informações em tempo real, o sistema permite uma comunicação eficiente com o cliente, oferecendo visibilidade sobre o status do pedido e estimativas de entrega mais confiáveis.

Inclusive, o WMS ajuda a prevenir erros de expedição, o que é crucial para manter a confiança do cliente.

A capacidade de responder rapidamente às demandas e a flexibilidade para adaptar-se às mudanças do mercado também são melhoradas, o que, por sua vez, fortalece a lealdade do cliente e a reputação da marca.

Solução dos problemas logísticos com o WMS

Os desafios de armazenagem são inúmeros, variando desde a otimização do espaço físico até a gestão eficiente do inventário.

O WMS é uma solução robusta que enfrenta esses problemas de frente, proporcionando ferramentas para maximizar a utilização do armazém, melhorar a precisão do inventário e aumentar a segurança.

Para se ter uma ideia, esse sistema logístico resolve questões de espaço ao implementar sistemas de localização e armazenamento que determinam a melhor posição para cada item, baseando-se em sua frequência de movimentação e dimensões.

Isso não apenas otimiza o espaço disponível, mas também agiliza o processo de picking, reduzindo o tempo de movimentação dos operadores. Por outro lado, a precisão do inventário é outra área beneficiada.

Afinal, com a capacidade de rastrear cada item em tempo real, o WMS minimiza as discrepâncias de estoque, evitando tanto a falta quanto o excesso de produtos, o que pode levar a perdas financeiras.

Além disso, o WMS contribui para a redução de erros em todas as etapas da cadeia logística. Ao automatizar a entrada de dados e utilizar tecnologias como código de barras e RFID, o sistema diminui a incidência de erros manuais, garantindo que os pedidos sejam processados corretamente.

Isso se traduz em menos devoluções, reclamações e reenvios, o que, por sua vez, reduz custos e melhora a imagem da empresa perante o mercado. Aliás, a segurança é outra vantagem significativa proporcionada pelo WMS.

O controle de acesso às informações e a rastreabilidade dos produtos ajudam a prevenir furtos e perdas, além de assegurar a conformidade com regulamentações e políticas internas.

Por exemplo, em caso de recall de produtos, o sistema pode identificar rapidamente os lotes afetados e rastreá-los até sua localização atual, facilitando a gestão da crise.

Escolhendo o WMS ideal para sua empresa

Escolher o sistema de WMS correto é crucial para o sucesso das operações logísticas de uma empresa. Contudo, a decisão deve ser baseada em uma avaliação cuidadosa de vários critérios que garantirão que o sistema atenda às necessidades específicas do negócio.

Por isso, aqui estão os pontos principais a considerar:

  • Compatibilidade com a infraestrutura existente: o WMS deve se integrar sem problemas aos sistemas e tecnologias já em uso na empresa;
  • Escalabilidade: o sistema deve ser capaz de crescer com o seu negócio, adaptando-se a volumes maiores e a novas funcionalidades conforme necessário;
  • Suporte e treinamento: um bom fornecedor deve oferecer suporte técnico abrangente e recursos de treinamento para sua equipe;
  • Customização: a capacidade de personalizar o WMS para atender a processos específicos é essencial para uma implementação bem-sucedida;
  • Análise e relatórios: o WMS escolhido deve oferecer recursos avançados de relatórios e análises para ajudar na tomada de decisões estratégicas;
  • Custo-benefício: a avaliação do retorno sobre o investimento deve ser considerado além do custo inicial, mas também as economias de longo prazo em eficiência e precisão.

De toda forma, é fundamental escolher uma solução que, entre suas funcionalidades, permita a integração com as principais tecnologias de rastreamento do mercado, como WMS, TMS e ERP, para garantir uma operação logística coesa e eficiente, como a solução de Gestão Logística, da BRK.

Conheça a Gestão Logística: solução da BRK para transformar sua operação

Entender o que é WMS e como ele pode revolucionar a gestão logística é apenas o começo.

Afinal, a BRK Tecnologia eleva essa transformação a outro nível com sua solução Gestão Logística, uma plataforma web e mobile que integra perfeitamente com WMS, TMS e ERP. Isso garante controle total, visibilidade em tempo real e otimização estratégica das operações de transporte.

Ou seja, se você deseja impulsionar a logística da sua empresa com tecnologia de ponta, fale com um especialista e descubra como nossa solução pode ajudar no sucesso do seu negócio.

Gostou do conteúdo? Então, continue acompanhando o Blog da BRK.