Segurança logística: melhores estratégias para proteger cargas em rotas de alto risco

Imagem de destaque

A segurança logística é um aspecto crítico para qualquer gestor no setor, especialmente ao lidar com cargas em rotas de alto risco.

Sendo assim, garantir a integridade das mercadorias e a segurança dos colaboradores envolvidos no transporte é essencial para evitar prejuízos financeiros e impactos na reputação da empresa.

Nesse contexto, a gestão logística auxilia na identificação e na mitigação de riscos, além de prever possíveis contratempos na operação. Para isso, é fundamental utilizar estratégias eficientes e ferramentas tecnológicas avançadas.

Isso porque elas otimizam a tomada de decisões e proporcionam maior controle do processo como um todo, garantindo segurança e eficácia no gerenciamento das rotas. Sendo assim, continue a leitura e tire suas dúvidas sobre segurança logística.

A segurança logística em rotas de alto risco

A segurança logística assume uma posição de destaque em rotas de alto risco, pois nessas situações, enfrenta-se uma série de desafios que colocam em alerta a integridade das cargas e a segurança dos profissionais envolvidos.

Gestores logísticos devem estar preparados para lidar com os múltiplos obstáculos que surgem em cenários adversos, como condições climáticas extremas, infraestrutura inadequada, áreas com altos índices de criminalidade e complexidade na legislação local.

Dentre os desafios enfrentados pelos gestores, destacam-se:

  • Seleção de rotas e modais de transporte mais seguros;
  • Capacitação e treinamento de colaboradores;
  • Utilização de tecnologias para monitoramento e rastreamento de cargas;
  • Estabelecimento de planos de contingência eficazes.

Além disso, é preciso estar atento às tendências e inovações no mercado de logística para garantir que as operações sejam realizadas de maneira eficiente e segura, reduzindo assim os riscos e impactos negativos no negócio.

Desafios da segurança logística

Os desafios específicos na proteção de cargas em rotas de alto risco abrangem diversos fatores que podem afetar negativamente a segurança e a qualidade das mercadorias transportadas.

Um exemplo ilustrativo dessa situação é o caso da Andreani Logística, líder no mercado de serviços de logística de alto valor agregado, que enfrentava roubos de carga e sinistros recorrentes.

A empresa atende indústrias de segmentos sensíveis como farmacêutico, cosmético, equipamentos hospitalares, tecnologia médica e saúde animal, tornando-se alvo de quadrilhas especializadas.

Para enfrentar tais desafios, a Andreani investiu em tecnologias de inteligência de dados voltadas à prevenção de sinistros e no aprimoramento de colaboradores, que se mantêm em busca constante de inovações tecnológicas no mercado.

Nesse caso, a parceria com a BRK Tecnologia permitiu à empresa implementar soluções integradoras e melhorias constantes nos padrões de operação, minimizando os impactos negativos dessas ocorrências nas finanças e na qualidade dos produtos transportados.

Os riscos inerentes ao transporte de cargas

No transporte de cargas, diversos riscos estão associados à atividade, incluindo:

  • Roubos e furtos: cargas valiosas ou de fácil revenda são alvos frequentes de criminosos especializados;
  • Acidentes e sinistros: ocorrências como colisões, tombamentos e incêndios podem causar perdas substanciais;
  • Exposição a condições climáticas adversas: alterações no clima podem danificar a carga ou comprometer a segurança das operações;
  • Problemas na infraestrutura: estradas e vias inadequadas aumentam os riscos de acidentes, atrasos e danos às mercadorias;
  • Legislação e regulamentações complexas: leis e normas variam entre os países e, por vezes, podem resultar em atrasos, penalidades e custos adicionais.

Estratégias eficazes para segurança logística

Para proteger cargas em rotas de alto risco, gestores logísticos podem adotar diversas estratégias, tais como:

  • Seleção criteriosa de rotas e modais de transporte: escolher caminhos e meios mais seguros e eficientes, considerando os riscos específicos de cada trajeto;
  • Capacitação e treinamento de colaboradores: investir no preparo da equipe para lidar com situações de risco e aplicar práticas de segurança;
  • Monitoramento e rastreamento de cargas: utilizar soluções tecnológicas, como GPS e sistemas de telemetria, para acompanhar em tempo real as operações e responder rapidamente a ocorrências;
  • Planejamento de contingência: desenvolver e revisar planos de ação em casos de emergências ou imprevistos.

Mercadorias com maiores riscos na segurança logística

De acordo com a Análise Anual de Roubo de Cargas feita pela nstech em 2022, Cargas fracionadas, produtos alimentícios, agronegócio, bebidas, cigarros e eletroeletrônicos foram responsáveis por 78,7% das perdas decorrentes de roubos.

Em contrapartida, certos itens específicos registraram um aumento próximo ou acima de 100% em 2022, em comparação com 2021.

Apesar de ter observado uma diminuição de 7% nas perdas por roubo de cargas em 2022 (em relação a 2021), a região Sudeste continuou liderando em ocorrências desse tipo de crime.

O Nordeste apresentou a maior elevação nos roubos, com um acréscimo de 37% comparado a 2021. As regiões Centro-Oeste, Sul e Norte não exibiram mudanças significativas na taxa de sinistros entre 2021 e 2022.

Quanto às estradas, os segmentos urbanos, a BR-116 e a BR-050 representaram mais da metade das perdas em 2022. Rodovias como a SP-330 e a SP-348, que historicamente estavam entre as cinco mais perigosas, registraram decréscimo de 58% e 20%, respectivamente.

Utilização de tecnologia na segurança logística

A tecnologia desempenha um papel fundamental na promoção da segurança logística. Ferramentas de monitoramento e rastreamento, permitem o acompanhamento em tempo real das operações, facilitando a resposta rápida a ocorrências.

Além disso, o uso de sistemas de análise de dados e inteligência artificial possibilita a identificação de padrões, tendências e áreas de risco, auxiliando na tomada de decisões e na elaboração de planos de contingência mais assertivos.

A tecnologia também contribui para melhorar a comunicação, coordenação e treinamento das equipes de transporte.

O papel da BRK Tecnologia na segurança logística

A BRK Tecnologia é uma empresa especializada em soluções integradoras que atuam diretamente na segurança logística.

Ou seja, suas soluções incluem sistemas de monitoramento e rastreamento de cargas, gestão de rotas e análise de risco, proporcionando maior eficiência e controle das operações.

Além disso, sua plataforma permite a análise de informações em tempo real, facilitando o acompanhamento e o gerenciamento de riscos envolvidos no transporte de cargas.

Sendo assim, a parceria com a BRK Tecnologia possibilita às empresas aprimorar seus processos logísticos e reduzir as ocorrências de sinistros.

Dessa forma, é possível garantir que a segurança das mercadorias e colaboradores esteja sempre em primeiro plano, tanto em rotas de alto risco quanto em operações regulares.

Conte com as soluções da BRK Tecnologia

Em suma, a segurança logística é crucial para garantir a integridade das cargas e minimizar perdas. Ou seja, investir em soluções tecnológicas, como as oferecidas pela BRK Tecnologia, é uma estratégia inteligente para fortalecer a proteção e gestão de riscos no transporte.

Por isso, fale agora mesmo com um especialista da BRK Tecnologia. Dessa forma, você poderá escolher entre as opções disponíveis para elevar a segurança e eficiência de suas operações logísticas.

Gostou do conteúdo? Então continue acompanhando o Blog da BRK Tecnologia!